domingo, 4 de janeiro de 2009

O edifício do conhecimento

Sabem o que descobri?
Que as lacunas em minha formação não são de todo inofensivas. O prédio não se sustenta por causa delas...

Ano novo, ânimo novo!

2 comentários:

Públio disse...

Nenhum prédio se sustenta nas lacunas, mas é por elas que transitamos. A arquitetura não é a arte do sólido, mas administração dos vazios. As lacunas do conhecimento são os espaços do saber a serem administrados, elas não são inofensivas, mas são essenciais ao fluxo das ideias; não são o ponto em que podemos nos apoiar, mas podem ser a única rota de fuga da ignorância quando as reconhecemos.

Patricia disse...

Aprendo diariamente que as lacunas em minha formação são locais que devo descobrir, avaliar e reparar (quando possível) com material sólido assim, ao caminhar rumo à maturidade, descubro que meus alicerces também são feitos por mim ... minhas escolhas e atitudes!
Neste gesto desfaço a necessidade de culpar a outros e melhoro a minha existência...

Abçs fraterno